Desnorteados, filhos de Bolsonaro se escondem

As reportagens do Jornal Nacional da TV Globo sobre as movimentações suspeitas envolvendo o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e de seu assessor Fabrício Queiroz tiveram um forte impacto na atividade dos filhos do presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais.

Sempre ativos e belicosos nas diversas redes sociais, os filhotes Carlos, Eduardo e Flávio estão neste fim de semana praticamente sumidos da Internet. Flávio Bolsonaro não atualiza o perfil há dois dias.

Os chamados “bolsominions”, seguidores fanáticos de Bolsonaro nas redes sociais, oscilam entre o sentimento de raiva à Rede Globo e o desalento com as matérias bombásticas do Jornal Nacional de sexta-feira (18) e de sábado (19), revelando as atividades de Flávio Bolsonaro que recebeu 48 depósitos suspeitos em apenas um mês, totalizando R$ 96 mil. Além de um depósito que ele fez de R$ 1 milhão sem identificar o destinatário.

O esforço agora do Palácio Planalto é de blindagem do governo, enquanto não encontra uma explicação plausível para as movimentações financeiras atípicas reveladas pelo Coaf.

Do blog do Esmael