Estado alerta sobre cuidados com rede de esgoto durante quadra chuvosa

O início das chuvas no estado marcam um período de cuidados redobrados quanto a utilização correta do sistema de esgotamento sanitário. O alerta da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) para a população é não destinar águas pluviais (de chuvas) nem resíduos sólidos às redes coletoras.

De acordo com a gerente de Responsabilidade e Interação Social da Cagece, Robervânia Barbosa, o fluxo de esgoto no sistema de esgotamento sanitário durante o período chuvoso é maior, por causa de interligações indevidas de água de chuva e também de destinação de resíduos sólidos às redes. “Estas práticas inadequadas são as principais responsáveis pelas ocorrências de obstruções e extravasamentos em vias públicas, pois comprometem o bom funcionamento das redes coletoras, que não foram feitas para receber esse tipo de material”, ressalta.

Somente durante o ano de 2018, foram retiradas mais de 5 mil toneladas de resíduos sólidos das redes de esgotamento sanitário de Fortaleza. Durante serviços de limpeza das tubulações são encontrados sacos plásticos, garrafa pet, preservativos, tapetes, colchão e outros.

Como forma de sensibilizar a população para uso correto da rede, a companhia realiza continuamente ações educativas, porta a porta, a fim de orientar e, também, tirar dúvidas sobre as diferenças entre rede de drenagem e rede de esgoto, que, por sua vez, possuem funções distintas.

A rede coletora de esgotamento da Cagece é responsável por recolher o esgoto das residências e direcioná-lo para o tratamento correto. Já a rede de drenagem, que é de responsabilidade das prefeituras municipais, deve ser utilizada para escoamento de água de chuva.

Destinar água de chuva para rede coletora de esgoto é considerada infração passível de multa, conforme artigo 115 da resolução n° 02/2006 da Autarquia de Regulação, Fiscalização e Controle dos Serviços Públicos de Saneamento Ambiental (Acfor). O valor da multa varia de R$ 190,40, para residencial social, a R$ 4.075,20, para industrial.

Para verificar se água de chuva está sendo direcionada para a rede de esgoto da companhia, basta observar. A água escoada da chuva, por exemplo, deve sair na rua. Já água do banho, pia ou descarga, deve passar pela caixa de inspeção da Cagece.

Saiba mais

Como forma de evitar possíveis transtornos, principalmente, no período de chuvas, as orientações da Cagece para a população, são:

Não direcionar água de chuva ao sistema de esgotamento sanitário
Não jogar restos de comida e óleo na pia
Não jogar lixo na rua e nem rede de esgoto
Não levantar a tampa dos Poços de Visita (PVs)