Cirurgia de Bolsonaro começou às 6h30; Mourão assume a Presidência

A cirurgia para retirada de uma bolsa de colostomia de Jair Bolsonaro começou por volta de 6h30 desta segunda-feira (28) no hospital Albert Einstein, em São Paulo, segundo informou o hospital. A Secretaria de Comunicação do governo confirmou o início da cirurgia às 07h04. A estimativa é de duração é de três horas. O vice, general Hamilton Mourão, assumiu interinamente a Presidência da República e permanecerá no cargo no mínimo pelas 48 horas que se seguirão à cirurgia.

O presidente foi internado na manhã de domingo (27) para a realização de exames pré-operatórios e após resultados mostrarem normalidade de sua saúde, o procedimento foi confirmado.

Esta é a terceira vez que Bolsonaro é operado desde que foi alvo de uma facada durante a campanha, em setembro de 2018.

O Gabinete de Segurança Institucional montou uma estrutura provisória no mesmo andar do quarto do presidente para que ele possa manter a rotina de despachos. É sintomático que a iniciativa seja do GSI e não da Secretaria Geral da Presidência ou do Gabinete Civil.

Bolsonaro deve reassumir a Presidência na quarta (30) e deve permanecer internado até meados da próxima semana. Os médicos estimam um período de dez dias para recuperação.

A cirurgia é comandada pelo gastroenterologista Antonio Luiz Macedo. Estão na sala de cirurgia mais oito profissionais, cirurgiões auxiliares, instrumentadora, anestesistas, enfermeira e técnicos de enfermagem.

Do Brasil 247